Sobre

A Hotels.com, L.P. que opera a Hoteis.com, site de reservas de hotel on-line líder no setor, oferece milhares de estabelecimentos no mundo todo, desde grandes redes de hotéis internacionais e resorts com tudo incluído a famosos estabelecimentos locais e bed & breakfasts. Além disso, a plataforma disponibiliza todas as informações necessárias para reservar uma estadia perfeita. 

Selecionar idioma
Hoteis.com Hotel Price Index™ 2016
  • O Hotel Price Index em todo o mundo

O Hotel Price Index da Hoteis.com foi estabelecido em 100 pontos, em 2004, seu ano de estreia. As alterações de preço de hotéis foram representadas em um índice que mostra o movimento anual dos valores reais pagos pelos viajantes por noite, sem as variações nas taxas de câmbio que poderiam destorcer o quadro. A seguir, o movimento do índice é exibido em níveis global e regional. Por meio da ferramenta é possível encontrar mais informações sobre preços de hotéis pagos em 2016 em destinos específicos, além dos motivos por trás dessas alterações nas publicações abaixo ou nas opções do menu.

Dados relativos ao HPI global

  • Em relação a 2015, o HPI global não registrou nenhuma alteração significativa em 2016, mantendo-se constante em 114 pontos pelo terceiro ano consecutivo.
  • A indústria hoteleira ainda está longe de alcançar o pico global de 117 pontos registrado no HPI de 2007, um ano antes da crise econômica global.
  • No Caribe, o HPI registrou um aumento de dois pontos do índice, enquanto na América do Norte e Europa o aumento foi apenas de um ponto. No entanto, o HPI manteve-se estável na Ásia, além de registrar a queda de um ponto no Pacífico e de dois pontos na América Latina.

 

México

HPI do Caribe

  • O HPI do Caribe subiu dois pontos, ou 1%, em 2016, alcançando um novo recorde de 139 pontos e mantendo sua posição como a região com o índice mais elevado.
  • Após sete anos de constantes aumentos, em 2016 o HPI caribenho ficou 13 pontos acima do HPI da América Latina, seu concorrente mais próximo em segundo lugar, permanecendo bem à frente de todas as outras regiões.
Estados Unidos

HPI da América do Norte

  • Em 2016, o HPI da América do Norte registrou o aumento de um ponto, ou 1%, alcançando um recorde de 120 pontos.
  • Este resultado representa o sétimo ano de crescimento contínuo do índice na região desde seu ponto mais baixo (96 pontos) em 2009.
França

HPI da Europa e Oriente Médio

  • Após dois anos de estabilidade com 108 pontos, o HPI da Europa e Oriente Médio também registrou o aumento de um ponto em 2016, embora esse valor não seja suficiente para gerar um aumento percentual.
  • Desde 2009, a região só subiu nove pontos no índice, permanecendo atrás do pico de 116 pontos em 2007.
Japão

HPI da Ásia

  • O HPI da Ásia manteve seus 99 pontos em 2016, interrompendo o declínio registrado nos três anos anteriores, a partir de seu ponto mais alto (109 pontos) em 2012.
  • A Ásia foi a única região que continua abaixo de seu nível inicial de 2004, quando o HPI foi estabelecido pela primeira vez em 100 pontos.
Austrália

HPI do Pacífico

  • O Pacífico foi uma das duas regiões que registraram uma queda de seu HPI, visto que perdeu um ponto do índice, ou 1%, caindo para 121 pontos. Esse resultado é consistente com os resultados registrados nos últimos dois anos.
  • Apesar da queda de pontos, a região manteve o terceirou lugar entre as regiões com o HPI mais elevado, permanecendo à frente da América do Norte.
Peru

HPI da América Latina

  • O HPI da América Latina registrou uma queda pelo segundo ano consecutivo, perdendo dois pontos do índice, ou 2%, e registrando 126 pontos.
  • No entanto, devido a seu forte desempenho nos anos anteriores, a região manteve sua posição como o segundo maior índice regional, atrás do Caribe.
Navegador desatualizado: atualize seu navegador para visualizar este site corretamente.